Afiliados

Os Goonies, de Steven Spielberg

6 de fevereiro de 2018


Olá pessoal, tudo bom? Os Goonies é um filme lançado em 1985 que me ensinou muito sobre a amizade. Foi produzido pelo Steven Spielberg e escrito em conjunto com Chris Columbus. Conquistou diversos fãs pelo mundo e é dito como um clássico dos anos 80. Logo após, James Khan escreve a sua romantização, que foi a primeira publicação da Darkside Books em 2012. Porém, em comemoração aos 30 anos do longa, a editora resolveu criar uma versão especial de aniversário, em uma edição belíssima que eu tive que adquirir. Hoje, dividirei com vocês um pouco sobre o que eu achei dessa obra. 

Editora: Darkside Books. Ano de Lançamento: 2014. Páginas: 240.
SkoobGoodreads. Onde comprar: AmazonSaraiva

Uma aventura nostálgica

Os Goonies tem como base a caça ao tesouro liderado por um grupo de amigos intitulados Goonies (lógico!), que é composto por quatro pré-adolescentes: Mickey, Bocão, Dado e Gordo. Eles estão chateados que não serão mais vizinhos, já que todas as casas da vizinhança foram hipotecadas e serão destruídas para se transformarem em um campo de golfe. O prazo para pagar a dívida estava acabando, mas logicamente ninguém ali tinha condições de fazer isso. 

Tentando se animar e querendo passar um dia divertido juntos, exploravam o porão de Mikey quando se deparam com um mapa do tesouro. Nele, estão instruções para encontrarem uma riqueza escondida pela Willy Caolho e eles decidem que esta é a última esperança. Juntos, se unem com outros personagens e embarcam em uma aventura repleta de armadilhas, vilões e muita confusão. Um filme perfeito de Sessão da Tarde.

Portanto, esta é a história do que aconteceu naquele último longo dia do outono passado, o dia antes do nosso despejo. E eu sei que uma boa parte desta história vai parecer difícil de engolir, mas juro por Deus que cada palavra é verdadeira.

Acredito que não há necessidade de ficar se estendendo na sinopse, já que é um filme antigo que permeou a infância e adolescência de muita gente. Como dito, é um clássico infantojuvenil e isso é justificável. Inclusive, muitas produções tiveram grande influência desse longa em sua concepção e um dos exemplos mais recentes é Stranger Things. Portanto, se você é fã da série, mas ainda não assistiu ao filme... O que está esperando? rs

Confesso que esta é uma das minhas histórias preferidas da vida. Assim sendo, logo após o lançamento do livro (quando ainda era uma versão brochura), eu comprei e li assim que o tive em mãos. Depois de ver a edição comemorativa, não pude deixar de comprar novamente e ter na minha estante. Sim, eu tenho duas versões de um mesmo livro, mas é porque eu realmente gosto da trama.

Apesar disso, percebi que nunca fiz uma resenha para compartilhar a minha opinião. E eu devo remediar, pois é uma obra que eu deveria panfletar para que todos possam ter uma edição em casa e se aventurar sempre que quiserem. É uma história maravilhosa e que merece ser apreciada. Ademais, a editora criou a sua versão de um mapa que vem junto ao livro, então o que mais um fã poderia querer?

Se houvesse alguma ferrovia na cidade, nós provavelmente estaríamos do lado errado, pelo menos é o que pensariam  as pessoas que fazem parte do Country Club Hillside.
Eles são os únicos que chamam isto aqui de Docas Goon e chamam a nossa gente de Goons. Tudo bem por nós, no entanto, porque gostamos de quem somos. Por isso chamamos a nossa turma de os Goonies.

Por outro lado, James Khan optou por uma narrativa em primeira pessoa sob o ponto de vista de Mikey. Isto poderia ser falho, já que o filme tem várias cenas em que o menino não estava presente, então como ele poderia narrar? Porém, fui surpreendida enquanto lia, já que ele usou de outros artifícios e não deixou nada de lado. Valendo-se de recortes de jornal, além do narrador relatar a parte de outra pessoa - como se lhe tivessem contando a história mais tarde -, ele conseguiu romantizar o longa-metragem completamente.

Fazendo o processo inverso do que estamos acostumados, que é adaptar um filme para um livro, o autor fez um trabalho espetacular. Com um enredo linear e uma narrativa fluída, me fez sentir como se estivesse assistindo ao filme na minha cabeça enquanto lia. E essa leitura me trouxe um mix de sensações, mas a maior delas não poderia ser outra: nostalgia. A trama me remeteu a minha infância e tudo o que eu sentia quando vi o filme pela primeira vez. Todos aqueles sentimentos gostosos estavam presentes e sentir isso novamente foi fabuloso.

"Se eu encontrasse qualquer tesouro com aquele mapa,” eu disse, “eu pagaria as contas todas do pai e compraria a hipoteca, e então talvez ele conseguiria dormir à noite, em vez de ficar sentado, tentando encontrar uma maneira de ficarmos aqui.” 

A história se preserva: a união, amizade, companheirismo e esperança estão retratados em todas as páginas. As características dos personagens também se mantiveram e é ótimo revê-los nessa aventura. E, aliás, é uma leitura tão envolvente que pareceria que eu estava dentro da história e fazia parte dos Goonies. Fiquei muito entusiasmada enquanto lia, mesmo que em alguns momentos o ritmo se perdesse um pouco. Mas nada alarmante, já que logo eu me via com o coração na mão novamente - mesmo conhecendo cada detalhe.

Se você é fã do filme, não deve deixar de adquirir essa obra. Se você ainda não assistiu, está perdendo tempo, pois deveria ter feito isso há anos! E devo dizer que essa edição comemorativa é linda, como de praxe da Editora Darkside, com vários detalhes (além do mapa mencionado anteriormente). Realmente vale a pena ter essa versão na coleção. É perfeito para todos que amam essa trama!


Comentários
13 Comentários

13 comentários :

  1. Nossa, quem nunca viu várias e várias vezes este filme? E quem não amou o personagem que era todo desfigurado mas era um amor? Foi da minha infância e eu não perdia todas as vezes que passava na televisão.

    ResponderEliminar
  2. Oi! Lembro de amar muito Goonies quando era pequena, hoje em dia não consigo rever o filme e ter o mesmo gosto, mas com certeza está na minha lista para mostrar ao meu filho. Nunca li um livro adaptado de um filme.
    Achei super interessante o fato do autor ter usado recortes de jornais e outras narrativas no livro, fiquei curiosa para ler. Acho que ao invés de mostrar o filme vou ler o livro para o meu filho (rsrs), afinal para mim um livro é mil vezes mais gostoso que assistir um filme.
    Beijos!!
    Nerd Fox

    ResponderEliminar
  3. Oi Dani! Como você, assisti o filme e fiquei encantada! Lembro de ter adorado tudo, a história, os personagens, a aventura retratada no filme! E sou louca pra ter o livro exatamente por isso, essa sensação de nostalgia boa, alegria, que você disse que sentiu enquanto lia! E essa edição da Darkside com mapa, tesouro demais né!
    Bjoxx

    ResponderEliminar
  4. AAAH! Tenho um carinho especial pelo filme e realmente ele me ensinou o valor da amizade .
    Não sabia que tinha esse livro e fiquei bem curiosa pra ver o seu conteúdo, sendo feito pela Darkside, ja penso que é uma edicao maravilhosa.
    Adorei tudo que falou e vou adquirir em breve.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  5. Oi, Dani.
    Os Gonnies é um dos meus filmes preferidos de infância e sempre namoro essa edição especial quando vou à livraria. Ainda não sabia como a história estava estruturada no livro, mas agora fiquei ainda com mais vontade de ler!
    Já na lista de desejos!!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderEliminar
  6. Olá ♥
    em que mundo eu vivo que não conhecia esse livro muito menos o filme? Gostei muito da premissa e acho interessante ainda mais quando você comparou a série S. T que é uma série que me chama muita atenção. Lendo suas impressões e os comentários acima percebi que eu preciso assistir e ler esse livro. Beijos!

    ResponderEliminar
  7. Olá Dani,
    Eu amo Os Goonies, não sei quantas vezes já assisti esse filme, principalmente na minha infância. Entretanto, apesar de você dizer que é recomendável para fãs, não tenho a mínima vontade de ler esse livro. Acho que estou saturada dessa história, sabe?
    Fiquei contente por ler sua resenha e por saber que você a indica, mas vou passar a dica.
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderEliminar
  8. Olá,

    Já ouvi muito falar nesse livro e no filme. Conheço o filme, porém só assisti alguns fragmentos, já o livro eu nunca li. Tenho curiosidade em conhecer a ambos, porque as críticas são boas e parece ser o tipo de história da qual irei gostar, além disso tudo o que você falou me lembrou um pouco Percy Jackson, uma série infanto-juvenil que amo!

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  9. Olá! Tudo bem?

    Essa editora arrasa nas edições, né? Cada livro é uma obra de arte!

    Lembro de ver esse filme na infância e eu curtia bastante, haha. O livro não tenho curiosidade de ler, apesar de parecer realmente muito bom!

    Menina eu tô apaixonada pelo layout do blog tá a coisa mais linda! <3 E já vou correndo ler o post sobre I´m Not a Robot, sou dorameira também, haha.

    Beijos!
    www.dreamsandbooks.com

    ResponderEliminar
  10. Oiee Dani ^^
    Eu sempre vejo alguma menção ao filme ou até mesmo ao livro, mas sabe que nunca senti vontade de ler? Gosto bastante do estilo "sessão da tarde", mas ando procurando histórias mais para o lado romântico, sabe? Essa edição está linda demaaais! Espero "criar" vontade para lê-lo um dia.
    MilkMilks ♥

    ResponderEliminar
  11. Oi Dani, tudo bem?
    Eu já vi o filme mas nunca li o livro. Eu tenho essa mesma versão que você tem e ela é maravilhosa ♥. Não sabia que ele era em primeira pessoa, diferente, quero ver como o autor fez isso funcionar.
    Adorei a resenha e estou mais empolgado para ler ele!

    ResponderEliminar
  12. Oie, tudo bem? Eu tenho que admitir que eu não fazia ideia de que era um filme do Spielberg. Devo admitir ainda que nunca assisti por completo kkkkkkk e pra completar nunca assisti stranger things. Putz, preciso mesmo resolver isso ne? As edições da Dark já sao lindas, as comemorativas então nem se fala ne? Os preços é que não são lá tão lindos, mas vou assistir o filme primeiro(sei que o livro sempre é melhor), quem sabe assim não crio coragem e compro essa edição linda de morrer? Bjosssss

    www.porredelivros.com

    ResponderEliminar
  13. Reconheci logo o nome da trama, mas as lembranças vieram mesmo quando comecei a ler a sinopse do livro, esse filme realmente marcou minha infância e eu não fazia ideia que ele foi transformado em um livro, amo stranger things e o filme também, acho que amaria a leitura.

    ResponderEliminar